Fiscalização - Dicas dos Fiscais


02/02/2016 - 11h12

Cuidado com o medicamento falsificado. Sua comercialização é crime. Fique atento!

O medicamento falsificado pode conter princípios ativos diferentes da fórmula ou mesmo nem conter princípio ativo algum. Através da embalagem e diferenças na cor ou sabor do produto, pode-se verificar que o medicamento não é original. Se você consumir um medicamento falsificado, poderá colocar em risco sua saúde.

        Impresso


Cuidado com o medicamento falsificado. Sua comercialização é crime. Fique atento!

Ao consumidor, orientamos que adquira seu medicamento apenas em farmácias e drogarias com licenciamento sanitário e com farmacêutico presente. O farmacêutico tem um papel fundamental na dispensação do medicamento, sendo sua responsabilidade garantir que no estabelecimento no qual é vinculado, apenas haja aquisição e dispensação de medicamentos de procedência conhecida, adquiridos de fornecedores previamente qualificados e mediante nota fiscal.

A seguir, alguns itens de segurança que devem ser observados a fim de checar a autenticidade dos medicamentos adquiridos e dispensados:

- Os dados que constam na embalagem do medicamento devem estar devidamente legíveis e impressos: sem rasuras ou informações apagadas/alteradas/adulteradas, contendo lote e validade, número de registro junto à Anvisa/Ministério da Saúde, nome do farmacêutico responsável técnico com seu número de registro junto ao Conselho Regional de Farmácia, dados da empresa fabricante (razão social, endereço, CNPJ, nº de AFE) e o número de telefone do SAC para sanar dúvidas;

- Os frascos de medicamentos na forma líquida devem conter lacre que garanta inviolabilidade da embalagem primária;

- A bula deve ser original, ou seja, não pode ser uma cópia/xerox;

- A embalagem externa (secundária) deverá conter um selo de segurança que tem por objetivo garantir a inviolabilidade da embalagem dos medicamentos;

- A embalagem externa (secundária) deverá conter em sua lateral uma área especial revestida com uma tinta reativa que não descasca e que quando raspada com um objeto metálico reage quimicamente, possibilitando visualizar a palavra “qualidade” e o logotipo da empresa.

Fonte: Farmacêutico Fiscal Luciano Adib D. M. Isa 1-4319






Encontrou algum erro ou conteúdo desatualizado em nosso site? - Clique AQUI e reporte para nossa área de qualidade.